Notícias

Loading...

sexta-feira, 28 de março de 2008

Ortodontia e Ortopedia Facial

ara ter um belo sorriso e o rosto harmônico

imgartigosDr.Jefferson Vinicius Bozelli -
Mestre e Especialista em Ortodontia e Ortopedia Facial
Prof. Assistente do Curso de Especializacão em Ortodontia da UNIP-Sorocaba


A face é o ponto chave da atração e admiração, pois é a expressão da alma de uma pessoa.
O rosto harmônico, portador de um belo sorriso, é almejado por todos, pois resgata a auto-estima e a satisfação pessoal, assim proporcionando um canal de comunicação sem limites entre indivíduos .

A Ortodontia-Ortopedia Facial é a especialidade voltada para esse aspecto.
A Ortopedia Facial visa a um bom relacionamento dos ossos nos quais os dentes se encontram posicionados: a maxila (osso superior) e a mandíbula (osso inferior). Assim sendo, a Ortopedia Facial deve ser aplicada nos pacientes em fase de crescimento, pois é durante esse período que o processo de crescimento dos ossos faciais ainda pode ser influenciado pelo tratamento. Com o auxílio de aparelhos ortopédicos, a ortopedia estimula ou inibe esse crescimento. Quando o crescimento da face (significativo até a puberdade) termina, o tratamento ortopédico só é possível através de uma intervenção cirúrgica (Cirurgia Ortognática).

A Ortodontia tem como finalidade posicionar corretamente os dentes, podendo ser realizada tanto em crianças quanto em adultos. Esse tratamento é possível porque a movimentação dos dentes com a ajuda de aparelhos ortodônticos independe do crescimento. Os aparelhos ortodônticos podem ser do tipo removível com ação limitada, e fixo, com ação e controle maiores sobre a movimentação dentária. Do nascimento à adolescência, essa especialidade atua supervisionando e orientando o crescimento dos ossos da face em conjunto com o nascimento e a troca dos dentes. As alterações no crescimento facial e no posicionamento dos dentes devem ser tratadas nessa fase para garantir ao adolescente e ao futuro adulto sorriso e rosto equilibrado (harmônico).

Por trás do desenvolvimento, da obtenção e da estabilidade de um belo sorriso, está o equilíbrio no desempenho das funções - respirar, mastigar, engolir e falar - atividades que atuam como principais "controladoras" de todo o sistema bucal (músculos, ossos e dentes). Outro fator essencial é a adequada implantação das raízes dos dentes dentro dos ossos, uma vez que, ao longo da vida, a força exercida pela mastigação deve ser distribuída homogeneamente, evitando sobrecargas e conseqüentes problemas gengivais e periodontais (estruturas de sustentação dos dentes). Dessa forma, propicia-se melhores condições para a longevidade dos dentes nas arcadas. O correto posicionamento dos dentes, juntamente com um bom relacionamento entre a mandíbula e a maxila, levando a uma oclusão ideal (correto encaixe dos dentes), pode ainda prevenir eventuais problemas de Articulação da Mandíbula com o Crânio (ATMs) associado a dores faciais.
O correto exercício dessa complexa especialidade da área da saúde exige dos profissionais envolvidos conhecimentos específicos de crescimento facial , movimentação dentária e harmonia dento-facial. Para a obtenção de resultados satisfatórios, a individualidade de cada paciente tem que ser respeitada, desde o diagnóstico até a indicação e a aplicação dos diferentes métodos no tratamento a ser realizado.(Fonte: Prof. Dr. Kurt Faltin Jr)

 

Extraído de http://www.bozelli.com.br/subpages/artigos.php?id=5

 

Nenhum comentário: